Vazamento de óleo em Vitória será investigado pela Capitania dos Portos

Vazamento de óleo ocorrido na manhã da última quarta-feira, dia 21, próximo ao Porto de Tubarão, em Vitória, será investigado pela Capitania dos Portos do Espírito Santo.

A entidade afirma que já abriu inquérito para investigar a causa do acidente. De acordo com a Capitania, o óleo vazou de uma embarcação que realizava serviços para a Arcelor Mittal Tubarão, maior grupo siderúrgico do mundo. A Capitania dos Portos também informou que duas embarcações da Transpetro ajudaram a conter o vazamento.

A embarcação batizada de Chata “Boussole” fazia serviços de dragagem no Terminal de Barcaças Oceânicas da Arcelor, em Praia Mole. Em comunicado, a empresa diz que “a embarcação de apoio teve um problema, o que acarretou em um vazamento de óleo de baixa proporção”.

 Arcelor também informou que o derramamento de óleo ficou contido nas adjacências do terminal, e todo o material foi recolhido. A empresa espera a liberação da Capitania dos Portos.

Fiscais do núcleo de acidentes ambientais do Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema) estiveram no local e devem retornar até hoje para acompanhar as investigações.

O prazo para a conclusão do inquérito da Capitania dos Portos é de 90 dias.

Fonte: Redação NNpetro

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*