Petrobras estanca vazamento em Campos

Na última sexta-feira (1º), a Petrobras comunicou que identificou a origem de uma mancha de óleo cujos primeiros indícios haviam sido avistados na quinta-feira (28), no campo de Marlim, a 172 km da costa de Macaé, na Bacia de Campos. No domingo (3), a petroleira confirmou que o vazamento foi estancado.

Segundo a estatal, inspeções constataram que o vazamento estava ligado a um problema na árvore de natal molhada do poço MRL-131, que está fora de operação. O volume de óleo detectado foi estimado em 108 litros.

Seguindo os padrões para o tipo de ocorrência, foram deslocadas para o local cinco embarcações especializadas em contenção e recolhimento de óleo, três para inspeção submarina e aeronave para sobrevoar a área. A Petrobras manteve informados a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o Ibama e a Marinha sobre a ocorrência.

Foram realizadas intervenções planejadas, com o auxílio de equipamentos submarinos do tipo ROV (Veículo de Operação Remota). Seguindo o planejamento traçado pelas equipes técnicas multidisciplinares, a sonda SS-47 está iniciando os trabalhos no poço para complementar a operação.

Fonte: Redação TnPetroleo

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*