OGX declara comercialidade de acumulações em Campos

A OGX submeteu à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) a Declaração de Comercialidade das acumulações Pipeline, Fuji e Illimani na Bacia de Campos, além de Planos de Avaliação de Descoberta (PAD) para as acumulações de Tulum, Viedma, e Vesúvio, na Bacia de Campos, e Curitiba, Belém e Natal, na Bacia de Santos.

Para a região de Pipeline, que passa agora a ter dois novos nomes – Tubarão Tigre e Tubarão Gato -, foi declarada a comercialidade de um intervalo entre 364 milhões barris, na estimativa conservadora, e 776 milhões de barris, na previsão otimista. A projeção considerada mais provável é de 532 milhões de barris.

Para Fuji e Illimani, considerados uma única acumulação que durante a fase de produção receberá o nome de Tubarão Areia, os volumes estimados ficam entre 157 milhões e 563 milhões de barris. A estimativa mais provável é de 291 milhões de barris.

A OGX submeteu à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) a Declaração de Comercialidade das acumulações Pipeline, Fuji e Illimani na Bacia de Campos, além de Planos de Avaliação de Descoberta (PAD) para as acumulações de Tulum, Viedma, e Vesúvio, na Bacia de Campos, e Curitiba, Belém e Natal, na Bacia de Santos.

Para a região de Pipeline, que passa agora a ter dois novos nomes – Tubarão Tigre e Tubarão Gato -, foi declarada a comercialidade de um intervalo entre 364 milhões barris, na estimativa conservadora, e 776 milhões de barris, na previsão otimista. A projeção considerada mais provável é de 532 milhões de barris.

Para Fuji e Illimani, considerados uma única acumulação que durante a fase de produção receberá o nome de Tubarão Areia, os volumes estimados ficam entre 157 milhões e 563 milhões de barris. A estimativa mais provável é de 291 milhões de barris.

Fonte: Redação TnPetroleo

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*