Braskem vê cenário positivo para 2013

A petroquímica Braskem, controlada pela Odebrecht, enxerga uma ligeira melhora no cenário internacional para 2013. A companhia prevê que a demanda global por eteno aumente em 5 milhões de toneladas neste ano. A perspectiva se deve a sinais de melhora da economia americana e à recuperação do mercado chinês, a partir de incentivos governamentais. Já a demanda na Europa ainda permanece reprimida.

“Enxergamos uma recuperação internacional. O humor na economia global é um pouco melhor do que vimos nos outros anos. Mas é difícil dizer se terá estabilidade. O que vivemos nos últimos dois anos foi um momento de crise importante”, disse a vice-presidente financeira da petroquímica, Marcela Drehmer, em reunião da Apimec, sexta-feira, no Rio de Janeiro.

A companhia estuda a possibilidade de construir uma unidade de polietileno nos Estados Unidos. “Nossa presença nos EUA e as relações que temos estabelecidas lá, nos permite estudar uma operação em “shale gas” (gás de xisto) também”, disse a executiva.

Este ano a Braskem investirá R$ 2,2 bilhões. O aumento em relação ao investido em 2012 (R$ 1,713 bilhão) se deve à despesa adicional por parada programada de operação, que consumirá cerca de R$ 370 milhões. Entre os novos empreendimentos, o foco será no complexo petroquímico do México, com capacidade para produzir 1 milhão de toneladas anuais de polietileno. O projeto tem investimento de cerca de US$ 3,2 bilhões e deve ser concluído em 2015.

Segundo Marcela, a empresa ainda vai iniciar a negociação com a Petrobras sobre o preço do gás natural para decidir se investirá na última fase do Complexo Petroquímico do Rio (Comperj). A decisão será tomada pelo conselho da companhia em 2014. “O Comperj tem que ser uma planta tão competitiva quanto outro ‘player’ americano. Essa é uma premissa. Não faz sentido investir em um projeto, colocar alguns bilhões e ele não ser competitivo em termos globais”, disse.

Fonte: Valor Econômico

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*