Brasil à frente em crescimento da produção de petróleo

  O Brasil deve manter em 2018 a posição de um dos países de fora da Opep
que mais contribui para o crescimento da produção global. A previsão é do
próprio cartel, que afirmou em seu relatório mensal de setembro que o volume
produzido no país deve chegar a 3,59 milhões de boe/dia no ano que vem.

  O volume representa um aumento de 210 mil
boe/dia em relação à média projetada para 2017, que é de 3,38 milhões boe/dia.
A previsão é que, ao todo, a produção dos países que não fazem parte do cartel
em 2018 chegue a 58,8 milhões de boe/dia, crescimento de 1 milhão boe/dia em
relação a este ano.

  Além do Brasil, os outros países que mais
devem contribuir para o aumento da produção global fora do cartel são Estados
Unidos, Canadá, Reino Unido e Congo. Já China, México, Colômbia, Azerbaijão e
Omã devem diminuir o fornecimento de óleo no ano que vem.

  A projeção de crescimento na produção feita
pelo cartel veio junto com uma expectativa de maior aumento na demanda em 2018.
Este mês, a Opep subiu em 70 mil barris/dia a previsão de crescimento no
consumo para o próximo ano. Agora a expectativa é que a demanda global por óleo
cresça 1,35 milhão de barris/dia em 2018 na comparação com 2017. O aumento,
entretanto, ainda é mais baixo do que o projetado para este ano, de 1,42 milhão
de barris/dia.

  “O ajuste reflete as maiores expectativas
para crescimentos nos países da Europa que pertencem à OCDE e na China”,
explica o relatório.

  A Opep não é a única mais otimista em relação
ao aumento do consumo. A Agência Internacional de Energia (AIE) também aumentou
a projeção do crescimento para este ano, que agora é de 1,6 milhão de
barris/dia.

Fonte: Brasil Energia Petróleo & Gás

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*