Após 3 anos de crise, Macaé se recupera aos poucos com a retomada da Petrobras

Macaé foi uma das primeiras
cidades a sentir a queda na arrecadação de royalties e a redução das atividades
da estatal, entretanto, a volta dos leilões de petróleo, o elevado preço da
commodity e a recuperação financeira da Petrobras, deram ao município, um gás
para se reestabelecer dentro da economia.


Segundo o prefeito da cidade, Aluízio Júnior, a recuperação também
se dá por meio da geração de empregos, visto que, no primeiro semestre, mais de
mil vagas foram abertas, dando oportunidades para muitos desempregados. Além
disso, Macaé também tem ganhado novos estabelecimentos, entre: academias,
restaurantes, bares e até hotéis. E, o prefeito ainda estima que, com o
descomissionamento de plataformas de petróleo da estatal na bacia de Campos,
novas oportunidades cheguem, melhorando ainda mais todo esse cenário.


Por conta do pré-sal e da redução natural de produção dos seus
campos, a bacia responsável pelo sustento do município de Macaé perdeu,
infelizmente, a liderança da produção de petróleo no país para a Bacia de
Santos, já que hoje, possui apenas, 50% do total produzido.


Fonte: Estadão.

Foto: Agência Brasil-EBC.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*