Rede Petro - BC Gerando Oportunidades de Negócios

Notícias
02/08/2017 Anuário de Petróleo 2017 reforça otimismo do setor

  O Anuário da Indústria de Petróleo do Rio de Janeiro Panorama 2017 é um documento dividido em quatro capítulos e que expressa em seus artigos o momento o qual a indústria do petróleo está vivendo. Sua segunda edição foi apresentada nesta terça-feira (01) pelo Sistema Firjan, no auditório do Senai, em Macaé. Estiveram presentes Aluízio dos Santos Júnior, prefeito de Macaé, Evandro Cunha, Presidente da Comissão Municipal de Empresários de Macaé, Karine Fragoso, Gerente de Petróleo, Gás e Naval do Sistema FIRJAN; e Alfredo Renault, Consultor da Onip.


  A Rede Petro-BC esteve presente em mais esse evento que teve “palavras de otimismo e também a palavra mágica da vez: retomada”, segundo Vitor Silva, coordenador da Rede.


  Durante a apresentação do anuário, Alfredo Renault explicou as razões pelas quais o setor de petróleo e gás melhorou e deve continuar melhorando. Segundo ele, “nós temos que sorrir para esse novo preço aparente de equilíbrio do brendt”. Ainda segundo o consultor da Onip, os leilões de petróleo serão fundamentais para a volta do crescimento do setor, que deve começar a sentir a consequência positiva efetiva em 2020.


  Alfredo Renault destacou que o anúncio feito pela Petrobras de que 19 novas unidades produtoras de petróleo serão instaladas nos próximos cinco anos também é animador. A estatal também foi assunto no discurso do Prefeito de Macaé. Aluízio Júnior falou sobre a importância de se investir na Bacia de Campos e ressaltou “precisamos oferecer para a Petrobras uma saída para investir aqui”.


  O prefeito teve um encontro com Pedro Parente, Presidente da Petrobras, durante esta semana. A estratégia de reduzir os royalties de 10% para 5% foi assunto entre o presidente da Ompep e o presidente da estatal. "A Petrobras está se preparando para ir para o pré-sal e nós queremos cuidar da Bacia de Campos. E isso nos exige repensar o conceito dos royalties que pode ser um combustível importante para provocar a retomada da indústria”, disse.


  A apresentação do Anuário da Indústria de Petróleo do Rio de Janeiro reforçou ainda a importância de Macaé para o cenário do petróleo. O município conta também com instituições que trabalham visando essa retomada dos negócios. “Hoje vivemos um momento de muita proximidade entre as instituições como Rede Petro-BC, Firjan, Convention Bureau e ACIM”, ressalta Vitor Silva. 

Desenvolvido por NPI Brasil

Rede Petro - BC
redepetro-bc@redepetro-bc.com.br - (22) 2796-6122
Estrada Virgem Santa, 657 - SENAI
Botafogo, Macaé - RJ - 27946-830